Quarta Igreja Presbiteriana de Suzano Igreje Presbiteriana do Brasil

Mensagens

Bem aventurado aquele que teme ao Senhor

Indique para um amigo

Seu nome:
E-mail amigo:
Enviar
Data: 24/04/2015

MEDITAÇÃO

“Bem aventurado aquele que teme ao Senhor e anda nos seus caminhos! do trabalho de suas mãos comerás, feliz serás e tudo te irá bem”.

A palavra de Deus descreve o homem que confia em Deus e que anda no caminho do Senhor como alguém que é bem-aventurado, feliz e abençoado por Deus. Confiar em Deus de todo coração e obedecer ao Senhor são condições para o homem viver feliz. Este homem temente a Deus e obediente ao Senhor trabalha com suas próprias mãos e obtém o sustento para sua vida e de sua família.

Em um momento tão difícil quanto este que atravessamos em nosso país é importante agradecermos a Deus o trabalho que Ele nos tem dado e sermos prudentes na administração dos recursos financeiros que temos. Para sermos bons mordomos dos recursos financeiro que possuímos é necessário obedecermos alguns princípios que são fundamentais para o nosso êxito na vida financeira.

1º) Gastarmos menos do que se ganha. Hoje em dia existe facilidades enormes de se comprar, mas precisamos entender que aquilo que se compra precisa ser pago. As ofertas são atrativas mas não se fabrica dinheiro. O fato de se ter limite no cheque especial ou cartão de crédito não dá o direito do crente achar que estes valores fazem parte da sua renda. Os juros destes financiamentos são muito altos e não vale a pena comprar usando o limite do cheque especial ou fazendo financiamento pessoal. Em qualquer orçamento bem elaborado a receita tem que ser maior que a despesa.

2º) Gastar no essencial. Escrevendo o seu livro, o profeta Isaías traz esta pergunta da parte de Deus. “Por que gastais o dinheiro naquilo que não é pão, e o vosso suor, naquilo que não satisfaz”? Isaías 55:2. Precisamos priorizar os nossos gastos naquilo que é essencial para a nossa sobrevivência. Não podemos ser esbanjadores, temos que ser previdentes.

3º) Ser fiel a Deus nos dízimos. Não há vida de sucesso financeiro se o crente não é fiel a Deus na entrega dos seus dízimos. O dízimo deve ser a primícias da nossa renda oferecida ao Senhor. Se desejamos a bênção de Deus em nosso trabalho, sejamos fiéis à Ele na entrega do que é do Senhor, que é o nosso dizimo. O diabo tem colocado no coração de alguns a ideia de que em tempo de crise não precisa ser fiel nos dízimos. Não se deixe levar por esta proposta sutil do inimigo de nossas almas

Deus deseja nos abençoar e nos fazer felizes. Confiemos no Senhor e andemos nos seus caminhos e Ele nos abençoará. Confiemos que se formos obedientes, prudentes e fiéis jamais Deus nos abandonará.

Rev. Saulo Monteiro da Silva.