A revelação divina é proposicional

As proposições são verdadeiras quanto às coisas espirituais Jo 5.31 – Se eu testifico a respeito de mim mesmo, o meu testemunho não é verdadeiro. Numa leitura desatenta do versículo citado, poderia surgir o argumento de que Jesus sempre necessitava de algum testemunho...

Esperança em tempos difíceis

Cícero (106-43 a. C.), grande orador na República Romana, certa vez subiu à tribuna e, em seu discurso exclamou: “Ó Tempora, Ó Mores” (Que tempos, Que costumes). Com essa expressão ele quis denunciar os vícios e a corrupção que dominavam o império romano em seu tempo....

O que você tem semeado?

Na carta aos Gálatas, Paulo escreve no capítulo 6, versículo 7: “Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará.” O texto revela que semear redunda em colheita. Eis aqui um princípio que rege toda a nossa vida: semear e...

A riqueza do conhecimento de nossa esperança

A igreja, ao longo de sua jornada aqui na terra, é enriquecida pelas bênçãos espirituais que são derramadas abundantemente por Deus na vida de seus filhos. Deus sustenta a igreja por meio de Jesus Cristo, que entregou-se à morte, em favor do seu rebanho. Todo crente...

O filho pródigo e o amor de Deus (Lucas 15.11-32)

Quando contava parábolas, Jesus traçava verbalmente quadros que retratavam, de forma nítida, o mundo ao seu redor. Ele descrevia aquilo que acontecia na vida real. Fazia isso, tirando do cotidiano das pessoas, fatos conhecidos para ensinar uma nova lição. A lição, na...

Nosso presente maior

O que representa, de fato, o Natal? Representa o nascimento daquele que trouxe a paz, a alegria e o amor. Um amor insondável, uma paz indescritível, uma alegria incomparável. Ele é a razão de nosso louvor, de nossa adoração. Ele é Jesus Cristo, o Filho de Deus, o...